Search
15 novembro 2018
  • :
  • :

Alcoa conquista contrato plurianual de U$ 470 milhões com Embraer

• Chapas e placas de alumínio da Alcoa terão posição de destaque na nova família de jatos da Embraer E-Jet E2, programados para entrar em operação em 2018

• O acordo entre as empresas torna a Alcoa única fornecedora para wing skins – peças proprietárias de alumínio que compõem a estrutura das asas do avião – e chapas para fuselagem

• Os aviões da Embraer contarão com ligas proprietárias da Alcoa, escolhidas por combinar força, resistência à corrosão e resistência à fadiga

Líder em metais leves, a Alcoa (NYSE: AA) anuncia hoje a assinatura de um contrato de longo prazo com a Embraer – líder na fabricação de jatos comerciais de até 130 lugares – no valor de aproximado de U$ 470 milhões. Sob um acordo plurianual, a Alcoa fornecerá chapas e placas de alumínio para os novos E2s da Embraer, a segunda geração de sua família de E-Jets de aeronaves comerciais, jatos de fuselagem estreita de médio alcance. Os E-Jets E2 da Embraer foram lançados no Airshow de Paris em 2013 e estão programados para entrar em operação em 2018.

“Nossa parceria com a Embraer está enraizada na inovação constante e este contrato é mais uma prova desta força”, afirma Mark Vrablec, presidente da Divisão de Aerospace & Produtos Automotivos da Alcoa. “Nossos ligas patenteadas nos permitirão apoiar nosso cliente no sofisticado e inovador programa E2 e estamos orgulhosos que a Alcoa vai voar com a Embraer”.
A Embraer escolheu as ligas proprietárias da Alcoa para o E2 devido à combinação de força, resistência à corrosão e resistência à fadiga que eles oferecem.

“A Alcoa oferece uma boa combinação de experiência técnica, liderança na indústria de materiais e capacidades”, afirma Fernando Queiroz, vice-presidente de Cadeia de Suprimentos da Embraer. “A Embraer projetou as aeronaves comerciais E-Jets E2 para serem as melhores em seu segmento e, para isso, precisávamos o melhor material no negócio e a Alcoa ofereceu a melhor solução.”

De acordo com a Embraer, o segmento de mercado para o qual o novo programa E2 foi desenvolvido é projetado para demandar 6.350 novos aviões nos próximos 20 anos. Além disso, a Embraer também afirmou que tem mais de 50% de participação de mercado com encomendas do atual E-Jet e espera manter níveis similares com as novas aeronaves E-Jets E2.

O acordo de longo prazo faz Alcoa único fornecedor da Embraer para os wing skins e chapas para fuselagem da linha de jatos E2. Outras placas da Alcoa, usadas em aplicações-chave, tais como reforços das asas, quadros da fuselagem e outras partes estruturais da aeronave, também fazem parte do contrato e serão apresentadas no E2, bem como nas aeronaves de transporte militar da Embraer KC-390 e nos jatos executivos.

Alcoa desenvolveu a maior parte das ligas de alumínio aeroespaciais dos aviões que estão em serviço e cada grande programa de novas aeronaves incorporam os produtos inovadores da Alcoa. A parceria Alcoa / Embraer baseia-se nas capacidades de fabricação aeroespacial do negócio de Produtos Globais Laminados da Alcoa, fornecendo para a Embraer a partir de suas plantas em Davenport, Iowa e Kitts Green (Estados Unidos) e Reino Unido.

Os produtos da Alcoa também podem ser encontrados em outras partes da aeronave E2: o motor estado da arte Pratt & Whitney PurePower®. Alcoa já fornece peças-chave para os motores PurePower®, incluindo a forja para a primeira hélice já feita em alumínio.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Foto: Divulgação




3 thoughts on “Alcoa conquista contrato plurianual de U$ 470 milhões com Embraer

  1. mario segio m.costa

    Olha essa parceria da ALCOA é a EMBRAER é muito bom para o Brasil pois nos temos uma fábrica da alcoa no Maranhão so no ponto de reativar, para produção de alumínio, tendo envista a empregabilidade de muitas pessoas que vão se empregar ao reativar a produção de alumínio.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com